Agência do Trabalhador está com 505 vagas de emprego

Há oportunidades para profissionais de todos os níveis de escolaridade, incluindo as PcD.

Em 27/02/2021 Referência CCNEWS, Redação Multimídia

Foto: Reprodução/uceff.edu

Os candidatos interessados nas vagas ofertadas pela Agência do Trabalhador deverão preencher o formulário.

O mês de março chega trazendo 505 vagas de emprego disponíveis na Agência do Trabalhador e, desse total, 141 oportunidades são para Pessoa com Deficiência (PcD). Há chances para profissionais de todos os níveis de escolaridade.

Os candidatos interessados nas vagas ofertadas pela Agência do Trabalhador deverão preencher o formulário (abaixo) e encaminhá-lo para o e-mail empregos@cariacica.es.gov.br, colocando no campo assunto o código da vaga e a função. (os códigos e as vagas estão na tabela abaixo).        

Após este procedimento, a Gerência de Capacitação Profissional, Emprego e Renda (Gecaper) fará contato com o candidato para coletar informações complementares e, posteriormente, o cadastro será encaminhado para a empresa, que se encarregará de marcar a entrevista com o candidato. É imprescindível que todas as informações sobre experiência profissional contidas no currículo constem na Carteira de Trabalho.    

Atenção                

Para garantir o bom funcionamento da Agência do Trabalhador no formato digital, algumas orientações devem ser seguidas pelos solicitantes. Uma delas é não enviar mais de um e-mail em um intervalo de sete dias, pois isso travará o cadastro.     

Outra orientação é não enviar o e-mail sem o código da vaga e a função no campo assunto.    Dúvidas quanto às vagas e ao novo formato de atendimento da Agência do Trabalhador devem ser esclarecidas pelos telefones 3354-5507 e 98148-0339. Os atendimentos serão feitos de segunda a sexta-feira, das 8h às 16h.

Clique aqui e confira as vagas
Clique aqui e confira as vagas PcD
Clique aqui e preencha o formulário
E-mail: empregos@cariacica.es.gov.br  

ÓPICOS:

EMPREGOS & ESTÁGIO   |  CIDADE   |   ESPORTES   |   SAÚDE   |   ECONOMIA   |   EDUCAÇÃO