Energia Solar começa a ser instalada em Escolas Estaduais

O Governo do Estado do Espírito Santo já investiu R$ 16 milhões em usinas fotovoltaicas.

Em 30/04/2021 Referência CCNEWS, Redação Multimídia

Foto: Secom/ES

Além da função de reduzir custos, a instalação dos painéis de energia solar está permitindo a climatização de salas.

O Governo do Estado, por meio da Secretaria da Educação (Sedu), já investiu R$ 16 milhões em usinas fotovoltaicas, mais conhecida como energia solar, nas escolas da Rede Estadual. Onze escolas já contam com o sistema e, até o final do ano, cerca de 70 delas serão contempladas

Uma das unidades que já está com a usina fotovoltaica instalada é a Escola Estadual de Ensino Fundamental e Médio (EEEFM) Iracema Conceição Silva, localizada em Serra.

Além da função de reduzir custos, a instalação dos painéis de energia solar está permitindo a climatização de salas de aula e outros ambientes escolares. Também tem uma função pedagógica, que é a de mostrar aos estudantes a sustentabilidade como iniciativa escolar.

“Vamos fazer a instalação de células fotovoltaicas em mais de 70 escolas do Estado. Em algumas, a instalação já é realidade. É importante que possamos climatizar as salas de aula e avançarmos em energia renovável, protegendo o meio ambiente e economizando recursos públicos para que possam ser investidos em melhorias diretamente à população. Publicamos um decreto em 2019 que toda obra nova do Estado necessita de energia solar fotovoltaica, mas também estamos avançando nos prédios já construídos”, disse o governador Renato Casagrande.

Segundo o subsecretário de Estado de Suporte à Educação da Sedu, Aurélio Meneguelli, ao final das instalações, o Estado terá uma economia de cerca de R$ 4 milhões anuais em contas de energia. 

“Estamos priorizando as escolas de baixa tensão que têm menor ‘pay back’, para depois seguirmos para as de média tensão. O ‘pay pack’ varia de dois anos e meio a cinco anos e meio. Essa ação possibilitará a economia de recurso financeiro para permitir a climatização de mais espaços nas escolas”, afirmou Meneguelli. (Com Informações/Governo do ES)

TAGS:
EMPREGO | PIB | ECONOMIA | PEQUENOS | PRODUÇÃO | INDUSTRIA | PRÉ-SAL | SELIC