MEC prorroga prazo para renovação de contratos do Fies

O Ministério da Educação publicou a portaria que prorroga o prazo para 31 de dezembro.

Em 05/11/2021 Referência CCNEWS, Redação Multimídia

Foto: © Marcello Casal JrAgência Brasil

A prorrogação do prazo tem o objetivo de garantir que todos os estudantes possam realizar os aditamentos neste período de pandemia de covid-19.

O Ministério da Educação publicou no Diário Oficial da União de hoje (5) portaria que prorroga, para 31 de dezembro, o prazo para a renovação semestral dos contratos de financiamentos concedidos pelo Fundo de Financiamento Estudantil (Fies), simplificados e não simplificados, do 1º e 2º semestres de 2021.

Os aditamentos de renovação semestral devem ser feitos por meio do Sistema Informatizado do Fies (SisFIES), disponível na página eletrônica do Ministério da Educação. 

A prorrogação do prazo tem o objetivo de garantir que todos os estudantes possam realizar os aditamentos neste período de pandemia de covid-19.

No caso de aditamento não simplificado, quando há alteração nas cláusulas do contrato, como mudança de fiador por exemplo, o estudante precisa levar a documentação comprobatória ao banco para finalizar a renovação. Já nos aditamentos simplificados, a renovação é formalizada a partir da validação do estudante no sistema.

Os contratos do Fies devem ser renovados semestralmente. O pedido de aditamento é feito inicialmente pelas instituições de ensino e, em seguida, os estudantes devem validar as informações inseridas pelas faculdades no SisFies.

O Fies é o programa do governo federal que tem como meta facilitar o acesso ao crédito para financiamento de cursos de ensino superior oferecidos por instituições privadas.

Criado em 1999, ele é ofertado em duas modalidades desde 2018, por meio do Fies e do Programa de Financiamento Estudantil (P-Fies). O primeiro é operado pelo governo federal, sem incidência de juros, para estudantes que têm renda familiar de até três salários mínimos por pessoa. O percentual máximo do valor do curso financiado é definido de acordo com a renda familiar e os encargos educacionais cobrados pelas instituições de ensino.

O P-Fies funciona com recursos dos fundos constitucionais e dos bancos privados participantes, o que implica cobrança de juros. (Por Pedro Peduzzi - Repórter da Agência Brasil)

Leia também:

Período de matrículas nas escolas de Cariacica começa dia 19
Inscrições para o Enare 2021 continuam até 8 de novembro
Sedu divulga Chamada Pública Escolar para ano letivo de 2022
MEC cria câmaras técnicas para enfrentar efeitos da pandemia
Mais de 52 mil alunos irão receber “Kit Verde” em Vila Velha
Serra inicia distribuição de 65 mil kits de alimentação escolar
Prova do Paebes será aplicada nesta quinta (28) e sexta (29) 
PMVV divulga Portaria de matrículas e rematrículas para 2022
Serra investe quase R$ 85 milhões em educação em 10 meses
Estado terá mais 40 escolas de Educação em Tempo Integral

TAGS:
FIES | MEC | PRAZO | PRORROGADO | EPORTARIA | DOU