Nos pênaltis, Itália vence a Inglaterra e é campeã da Eurocopa

Jogo terminou em 1 a 1 no tempo normal, mas os italianos foram melhores nas penalidades.

Em 11/07/2021 Referência CCNEWS, Redação Multimídia

Foto: Laurence Griffiths

O placar também ficou igualado na prorrogação, e os italianos levaram a melhor nos pênaltis, por 3 a 2, com duas defesas de Donnarumma.

Forza, Azzurri! A Itália venceu a Inglaterra na final da Eurocopa neste domingo (11) no Wembley, nos pênaltis. O English Team abriu o placar logo aos dois minutos de jogo, com Luke Shaw, mas o zagueiro Leonardo Bonucci empatou para a Azurra no segundo tempo, encerrando os 90 minutos em 1 a 1. O placar também ficou igualado na prorrogação, e os italianos levaram a melhor nos pênaltis, por 3 a 2, com duas defesas de Donnarumma.

Com apenas 1m57s de jogo, a Inglaterra abriu o placar, com Luke Shaw. Kane abriu bola na direita para Trippier, que avançou e cruzou para o lateral-esquerdo, que emendou de primeira, sem chances para Donnarumma. O gol de Shaw se tornou o mais rápido do história de uma final de Eurocopa. A primeira chance da Itália veio cinco minutos depois, com cobrança de falta perigosa de Insigne, que passou por cima do gol.

Pressão italiana

Após o gol, a Inglaterra seguiu melhor em campo, mas não conseguiu transformar a superioridade de posse em finalizações. A Itália chegou algumas vezes ao gol de Pickford, mas sem muito perigo. Já nos últimos 10 minutos da etapa inicial, Chiesa fez ótima jogada no meio e chutou rasteiro, em chute que saiu rente a trave. Aos 45', Verratti aproveitou bola rebatida na área e finalizou, mas o goleiro inglês salvou.

Domínio italiano

O segundo tempo começou com amplo domínio da seleção italiana. Aos 5', Insgine teve outra falta para cobrar perto da área, mas a finalização saiu pelo lado de Pickford. Seis minutos depois, Insigne teve outra chance após jogada de Chiesa, mas o goleiro inglês defendeu o arremate. Aos 16', Chiesa fez outra ótima jogada, se livrou da marcação e bateu cruzado, mas Pickford brilhou mais uma vez.

Bonucci empata 

A pressão do time italiano aos 21 minutos do segundo tempo. Após cobrança de escanteio e bate e rebate na área, o zagueiro completou para o gol dentro da pequena área e deixou tudo igual no placar. Seis minutos depois, Bonucci lançou Berardi no ataque, mas o meia parou em Pickford. As duas equipes ainda tentaram tirar a igualdade no placar nos últimos minutos, mas sem sucesso, e a partida foi para a prorrogação.

Prorrogação

A primeira grande chance da prorrogação veio aos seis minutos, com Phillips. O meia aproveitou bola rebatida após escanteio e chutou forte para o gol, mas pelo lado. Dois minutos depois, Belotti recebeu na entrada da área e chutou, mas um desvio facilitou a defesa de Pickford. Aos 12', o atacante italiano tentou mais uma vez, mas o arremate saiu prensado e não entrou. As seleções cansaram nos últimos 15 minutos e não tiveram grandes chances.

Itália campeã

Nas penalidades, Berardi, Bonucci e Bernardeschi marcaram para a Itália, enquanto Belotti e Jorginho perderam. No lado inglês, Kane e Maguire marcaram para a Inglaterra, enquanto Rashford, Sancho e Saka desperdiçaram. O goleiro Donnarumma pegou duas penalidades. Placar final de 3 a 2 para a Azzurra nas cobranças. (Lance!)

"Goleiro Donnarumma é eleito o melhor jogador da Eurocopa"

O goleiro Gianluigi Donnarumma, da Itália, foi eleito pela Uefa como o melhor jogador da Eurocopa-2020. Ele recebeu o prêmio após a vitória nos pênaltis da seleção italiana sobre a Inglaterra, em que defendeu três cobranças (Rashford, Sancho e Saka).

Donnarumma foi o jogador que mais tempo esteve em campo entre todos da Euro-2020: 719 minutos ao todo. Ele disputou as sete partidas da Itália na competição. Segundo as estatísticas da Uefa, ele realizou nove defesas e sofreu quatro gols ao longo do torneio. (GE)

Leia também:

Argentina derrota Brasil no Maracanã e é campeã da América
Verstappen destaca boa relação com parceiro Sérgio Pérez
Meia Foden sofre pancada e vira problema para Southgate
Inglaterra venceu a Dinamarca e vai à final da Eurocopa
GP da Austrália de F-1 é cancelado pelo 2º ano consecutivo
Max Verstappen vence o Grande Prêmio da Áustria de F1
Inglaterra goleia a Ucrânia e vai para a semi da Eurocopa
Dinamarca vence a República Tcheca e vai à semi da Euro
Max Verstappen comemora pole para GP da Áustria de F1
Em grande jogo, Itália vence a Bélgica e vai à semi da Euro
Espanha vence Suíça nos pênaltis e está na semifinal da Euro
Euro: Inglaterra vence a Alemanha e Ucrânia vence a Suécia
Espanha e suíça avançam para quartas de final da Eurocopa
República Tcheca e Bélgica avançam para as quartas da Euro
Max Verstappen vence de ponta a ponta o GP da Estíria de F1
Verstappen coloca Red Bull na pole em casa no GP da Estíria
Itália e Dinamarca vencem e vão às quartas da Eurocopa
Bonucci analisa a Áustria, próxima adversária da Itália na Euro
GP da Turquia adicionado ao calendário da F1 em outubro
GP de Silverstone de Fórmula 1 terá lotação máxima de público
Max Verstappen vence o Grande Prêmio de Paul Ricard de F1
GP de São Paulo de F1 esgota primeiro lote de ingressos
Messi brilha e Argentina vence o Uruguai na Copa América
Eriksen tinha partido e o trouxemos de volta, afirma médico
> Inglaterra estreia com vitória sobre a Croácia na Eurocopa
Mexicano Sergio Pérez vence GP do Azerbaijão de Fórmula 1
Hamilton e Verstappen brincam sobre seus chefes de equipe
Charles Leclerc larga na pole no GP do Azerbaijão de F1
Grande Prêmio de Singapura de Fórmula 1 está cancelado
Com Tolói e Jorginho, Mancini convoca a Seleção Italiana
Libertadores: Flamengo, Atlético e São Paulo pegam argentinos
Conmebol sorteia oitavas da Libertadores nesta terça (1º)
Nem Colômbia nem Argentina: Copa América será no Brasil
Chelsea vence o City e conquista o bi da Liga dos Campeões
Chelsea e Manchester City fazem final da Liga dos Campeões
Daniel Alves é cortado da seleção e Tite convoca Emerson
Hansi Flick será o técnico da Seleção Alemã após a Eurocopa

TAGS
EUROCOPA | LIBERTADORES | CONMEBOL | TÓQUIO 2020 | SUPERLIGA | UEFA | F1