Prefeitura e PM debatem escola cívico-militar em Cariacica

Escola funcionará no bairro Itanguá, atendendo 400 alunos, em regime de tempo integral.

Em 11/02/2021 Referência CCNEWS, Redação Multimídia

Foto Arnaldo Peruzo/PMC

"Esta reunião foi de extrema importância, pois iniciamos as conversas para a implantação de uma novidade na cidade", disse o prefeito de Cariacica, Euclério Sampaio.

Na tarde desta quarta-feira (10), a Prefeitura de Cariacica, através da Secretaria Municipal de Educação (Seme), e a Polícia Militar iniciaram as discussões para a implantação da primeira escola cívico-militar da cidade. A unidade funcionará no bairro Itanguá e atenderá 400 estudantes em tempo integral. A ordem de serviço para a obra está prevista para ser assinada no próximo dia 18 e a previsão é que as aulas comecem em 2022.

"Esta reunião foi de extrema importância, pois iniciamos as conversas para a implantação de uma novidade na cidade. Estamos pensando no futuro das nossas crianças", destacou o prefeito Euclério Sampaio. .

Para o secretário municipal de Educação, José Roberto Martins Aguiar, este projeto é muito importante para toda a comunidade.

"A parceria com a Polícia Militar trará bons resultados. Teremos a primeira escola cívico-militar do município, em tempo integral para 400 alunos".

O comandante-geral da Polícia Militar do Espírito Santo, coronel Douglas Caus, também estava na reunião e disse que a implantação dessa escola é muito importante para a formação dos estudantes.

"É de vital importância, pois os alunos, além dos conteúdos curriculares, aprenderão princípios éticos e morais. Além de aprendizado, 400 alunos terão a chance de receber formação como cidadãos". (Com informações da PMC)