Rede Abraço: Novo edital amplia número de vagas no Estado

Foi lançado hoje (23), edital de credenciamento de comunidades terapêuticas à Rede Abraço.

Em 23/08/2021 Referência CCNEWS, Redação Multimídia

Foto: Hélio Filho-Secom/ES

"Algumas pessoas acabam migrando para a situação de rua, nos demandando a realização de um trabalho intenso para recuperar e dar oportunidade a elas", disse Renato Casagrande.

O Governo do Espírito Santo vai ampliar o número de vagas de acolhimento para pessoas adultas com necessidades em decorrência do uso de substâncias psicoativas. Foi lançado nesta segunda-feira (23), o edital de credenciamento de comunidades terapêuticas à Rede Abraço. O número de vagas foi ampliado de 200 para 400. Durante solenidade de anúncio, também foi assinado o termo para implantação de dois novos Centros de Acolhimento e Atenção Integral sobre Drogas (CAAD), em municípios do interior do Estado.

“Estamos aqui na Rede Abraço para a realização de dois importantes atos. O primeiro é a ampliação das vagas de acolhimento em comunidades terapêuticas. A dependência química é um dos grandes problemas da sociedade. Algumas pessoas acabam migrando para a situação de rua, nos demandando a realização de um trabalho intenso para recuperar e dar oportunidade a elas. Outra importante ação é a descentralização dos CAADs, com a abertura de unidades em Cachoeiro de Itapemirim e Linhares. Queremos ser uma porta de entrada para uma mudança na vida dessas pessoas”, afirmou o governador.

O Edital de Credenciamento SEDH/SESD nº 01/2021 tem por objeto o credenciamento de entidades privadas, sem fins lucrativos, tipo Comunidade Terapêutica (CT), localizadas no território do Estado do Espírito Santo, com vistas à celebração de contrato para prestação de serviços de acolhimento em regime residencial transitório para pessoas adultas com necessidades decorrentes do uso de substâncias psicoativas. O documento será publicado nesta terça-feira (24) no Diário Oficial do Estado e estará em vigência por prazo indeterminado.

De acordo com o Edital, as comunidades terapêuticas credenciadas receberão o valor mensal de R$ R$ 1.172,23 por adulto do sexo masculino e/ou feminino, com idade a partir dos 18 anos, e R$ 1.527,37, no caso de acolhimento para atenção especializada à gestante e mãe nutriz acompanhada do lactante.

“Esse é um avanço importante, pois agora vamos permitir uma cobertura maior do Programa Rede Abraço no Espírito Santo. Temos um edital em vigor que será revogado, que antes permitia até 200 vagas, e agora lançamos este que é mais moderno, inovador e pode chegar a 400 vagas. Todas as comunidades que atenderem aos requisitos podem participar”, explicou o subsecretário de Estado de Políticas sobre Drogas, da Secretaria de Direitos Humanos (SEDH), Carlos Lopes, que coordena a Rede Abraço.

Carlos Lopes ainda lembrou que todo acolhimento em comunidades terapêuticas credenciadas à Rede Abraço é feito de forma voluntária, sendo necessário procurar os serviços do CAAD, com agendamento pelo telefone 0800 028 1028.

Dois novos CAADS

Durante a solenidade, também foram assinados os termos de parceria para a implantação de dois novos CAADS, sendo um em Linhares e outro em Cachoeiro de Itapemirim. A organização da sociedade civil selecionada por meio de edital de chamamento público para implantar e gerir os equipamentos foi o Instituto de Gestão Social do Terceiro Setor (IGES).

O CAAD é a porta de entrada para o atendimento de pessoas com problemas decorrentes do uso de álcool e outras drogas e seus familiares. O acolhimento é realizado por profissionais capacitados, os quais direcionam o atendimento e encaminham de acordo com as especificidades de cada caso.

Lançamento do SAHUV

Ainda na manhã desta segunda-feira, foi realizado o lançamento do Serviço de Atendimento Humanizado a Vítimas de Violação de Direitos Humanos (SAHUV), que é coordenado pela SEDH, por meio da Gerência de Proteção e Defesa dos Direitos Humanos (GPDDH), e em parceria com a Associação GOLD, que é a organização da sociedade civil selecionada para executar o projeto.

O SAHUV é formado por uma equipe multidisciplinar capacitada que registra e atende casos de violação de direitos humanos, faz encaminhamentos de denúncias a órgãos, às entidades e equipamentos responsáveis, acompanhando-os até a resolução da demanda. Também realiza formação em educação em direitos humanos aos parceiros da rede.

As denúncias são recebidas via telefone pelo número (27) 3636-6231, ou pelo WhatsApp (27) 99741-6012, ou ainda pelo e-mail direitoshumanos@sedh.es.gov.br. O atendimento presencial é realizado somente com agendamento prévio. (As informações são do Governo/ES)

Leia também:

Governo do ES anuncia a reforma de praça na Expedito Garcia
Detran|ES amplia convênio com cartórios para habilitação
Detran reforça sinalização turística no município de Guaçuí
Sefaz lança novos sistemas e organiza mudança legislativa
Governo do ES viabiliza obras do Micropolo Industrial de Piúma
Casagrande apresenta PI a vereadores da região do Caparaó
Governador anuncia novos serviços de saúde em Cachoeiro
Serra: Governo do ES entrega reforma de unidade da PMES
Térreo do edifício Aureliano Hoffman ganha coworking
Casagrande anuncia prorrogação do Cartão ES Solidário
Governo do ES anuncia volta do Batalhão de Missões Especiais
Governo do ES distribui material escolar para toda rede pública
Renovação da frota do Transcol prevista para 2021 já concluída
Governador e bancada capixaba se reúnem com ministros

TAGS:
REDE ABRAÇO | COWORKING | CARTÃO ES | SEFAZ | PROCON | SETUR | SEVIÇOS | SAÚDE | SEGURANÇA | ECONOMIA