São Paulo vence o Fluminense e abre 7 pontos na liderança

Brenner volta a brilhar no Maracanã, São Paulo vence o Flu e abre 7 pontos na liderança.

Em 27/12/2020 Referência CCNEWS, Redação Multimídia

Foto: Alexandre Neto / Estadão Conteúdo

O São Paulo venceu o Fluminense por 2 a 1 no Maracanã neste sábado. Os gols paulistas foram marcados por Brenner, Fred fez para os cariocas.

O São Paulo está cada vez mais isolado na liderança do Campeonato Brasileiro. Visitando o Fluminense neste sábado (26), no Maracanã, o time comandado por Fernando Diniz não deixou a oportunidade de voltar a abrir sete pontos na ponta da tabela e, mesmo com dificuldades, venceu os donos da casa por 2 a 1, com dois gols de Brenner. Fred descontou para o Tricolor carioca depois de um erro crasso de Gabriel Sara na saída de bola.

O São Paulo entrou em campo neste sábado já sabendo do tropeço do Flamengo, que empatou com o Fortaleza em 0 a 0. Desta forma, bastava uma vitória ao Tricolor paulista para se distanciar de seu principal concorrente. E ela veio graças a Brenner, que mais uma vez esteve em um dia iluminado no Maracanã. Com os dois gols deste sábado, o atacante se igualou a Gino Orlando e Müller como o são-paulino que mais vezes balançou as redes no estádio carioca, com cinco tentos.

Agora, com o dever cumprido, o Tricolor paulista volta o foco para o jogo de volta da semifinal da Copa do Brasil, contra o Grêmio, quarta-feira, no Morumbi. Depois de perder a ida por 1 a 0, o São Paulo precisa reverter o resultado para garantir vaga na grande final do torneio que jamais venceu.

O jogo

O Fluminense tentou minar a saída de bola do São Paulo nos primeiros minutos, mas os líderes do Campeonato Brasileiro estavam espertos e começaram a partida conseguindo cruzar o meio-campo com a bola nos pés. Aos nove, quase o Tricolor paulista abriu o placar depois de Gabriel Sara receber passe aéreo de Reinaldo, mas, ao fazer o giro, foi desarmado.

Se não deu com Gabriel Sara, melhor para Brenner, que dessa vez foi cirúrgico para abrir o placar depois de perder uma chance inacreditável na última quarta-feira, contra o Grêmio, pela Copa do Brasil. Reinaldo cruzou no segundo pau, a bola atravessou a área e o atacante apareceu de carrinho para estufar as redes.

O Fluminense respondeu pouco depois com Wellington Silva. O atacante recebeu na entrada da área, ajeitou e bateu firme, mas mandou por cima do gol. Mas, era o São Paulo o time mais eficiente do primeiro tempo. Aos 30 minutos, Matheus Ferraz derrubou Luciano perto da meta defendida por Marcos Felipe. Gabriel Sara foi para a cobrança e mandou no ângulo, mas faltou força, facilitando a vida do goleiro do Flu.

Antes do intervalo, o São Paulo ainda teve uma chance derradeira de ampliar. Aos 39, Reinaldo cobrou lateral na área, e Brenner, livre, escorou de cabeça, tentando encontrar Luciano. Entretanto, Danilo Barcelos apareceu no meio do caminho para desviar levemente e salvar o Fluminense do que seria o segundo gol dos visitantes.

Segundo tempo

Atrás no placar, o Fluminense começou o segundo tempo mais ligado e não demorou muito para empatar. Aos seis minutos, Gabriel Sara cometeu erro bizarro na saída de bola, entregando a bola de presente para Fred, que soltou a bomba da entrada da área, livre da marcação, sem chances para o goleiro Tiago Volpi, marcando um golaço no Maracanã.

O São Paulo tentou responder pouco depois com Brenner. Aos oito minutos, o atacante aproveitou erro de Yuri na saída de bola e experimentou de fora da área, mas mandou no meio do gol, facilitando a defesa de Marcos Felipe.

Com as entradas de Pablo e Vitor Bueno nas vagas de Luciano e Igor Gomes, respectivamente, o São Paulo passou pressionar mais o Fluminense. E a mudança de postura até foi revertida em gol. Após cobrança de escanteio, a bola sobrou para Pablo dentro da área, que mandou para o fundo das redes, mas o árbitro já havia marcado falta de ataque.

Se não deu com Pablo, deu com Brenner. O atacante são-paulino estava realmente em mais um dia iluminado no Maracanã. Gabriel Sara recebeu lançamento pela esquerda e mandou de primeira para o meio da área, encontrando o artilheiro, que arrematou à queima-roupa, mas Marcos Felipe fez a defesa. No rebote, Vitor Bueno finalizou, e a bola sobrou para Brenner, que desta vez não desperdiçou, estufando as redes.

Antes do apito final, mais precisamente aos 40 minutos, Caio Paulista teve a chance de ouro para empatar o jogo. Fred matou no peito e deu uma cavada por cima, deixando o atacante cara a cara com Volpi, mas, ao tentar encobrir o goleiro são-paulino, mandou para fora. Daí em diante, Daniel Alves e companhia se seguraram na defesa para garantir a suada e importante vitória no Maracanã.

Ficha técnica

FLUMINENSE 1 X 2 SÃO PAULO

Local: estádio do Maracanã, no Rio de Janeiro

Data: 27 de dezembro de 2020, sábado

Horário: 21h (de Brasília)

Árbitro: Anderson Daronco (Fifa-RS)

Assistentes: Rafael da Silva Alves (Fifa-RS) e Michael Stanislau (RS)

VAR: Daniel Nobre Bins (RS)

Gols: Brenner, aos 14 do 1ºT e aos 26 do 2ºT (São Paulo); Fred, aos 6 do 2ºT (Fluminense)

Cartões amarelos: Nino, Danilo Barcelos e Yuri (Fluminense); Luan (São Paulo)

FLUMINENSE: Marcos Felipe; Calegari, Nino, Matheus Ferraz e Danilo Barcelos; Yuri (Miguel), Yago Felipe e Michel Araújo (Felippe Cardoso); Wellington Silva (Caio Paulista), Marcos Paulo (Lucca) e Fred.  Técnico: Marcão

SÃO PAULO: Tiago Volpi; Igor Vinícius, Arboleda, Bruno Alves e Reinaldo; Luan (Rodrigo Nestor), Daniel Alves, Gabriel Sara (Toró) e Igor Gomes (Vitor Bueno); Brenner (Hernanes) e Luciano (Pablo). Técnico: Fernando Diniz.  (Gazeta Esportiva)