Ex-piloto da equipe Lotus, Johnny Dumfries morre aos 62 anos

O perfil oficial dedicado ao ex-piloto Ayrton Senna se manifestou sobre a morte do britânico.

Em 22/03/2021 Referência CCNEWS, Redação Multimídia

Foto: Reprodução/IstoÉ

Apesar de conhecido por sua trajetória nas pistas, o ex-piloto também possuía título de nobreza - era o 7º Marquês de Bute.

Ganhador das 24 Horas de Le Mans em 1988, Johnny Dumfries morreu nesta segunda-feira (22). A informação foi divulgada pelo perfil oficial da Fórmula 1, categoria na qual o britânico fez parte em 1986 e foi companheiro de equipe de Ayrton Senna pela Lotus.

Apesar de conhecido por sua trajetória nas pistas, o ex-piloto também possuía título de nobreza. Ele era o 7º Marquês de Bute e cujo verdadeiro nome era John Colum Crichton-Stuart.

No ano em que correu na principal categoria do automobilismo mundial, Johnny teve seu melhor resultado no Grande Prêmio da Hungria com um quinto lugar.

O perfil oficial dedicado ao ex-piloto Ayrton Senna se manifestou sobre a morte do britânico. Vale lembrar que, no último domingo (21), caso o ídolo brasileiro estivesse vivo completaria 61 anos.

Em um comunicado confirmando seu falecimento após uma curta doença, a família Dumfries publicou:

“O espírito indomável e a energia que Johnny trouxe para sua vida farão muita falta, assim como o imenso calor e amor com que ele abraçou sua família.” (IstoÉ)

TAGS:

ESPORTES   |   FÓRUMA 1   |   CORRIDA   |   PILOTOS   |   GP   |   INTERNACIONAL   |   ECONOMIA   |   SAÚDE