Líderes do G7 se reúnem na terça para discutir Afeganistão

Reunião virtual dos líderes do G7 sobre o Afeganistão será realizada na próxima terça (24).   

Em 22/08/2021 Referência CCNEWS, Redação Multimídia

Foto: POOL/AFP

Além do Reino Unido, o G7 também inclui Alemanha, Canadá, Estados Unidos, França, Japão, Itália e União Europeia.

A reunião virtual dos líderes do G7 sobre o Afeganistão será realizada na próxima terça-feira (24).   

A data foi confirmada neste domingo (22) por Boris Johnson, primeiro-ministro do Reino Unido, país que preside o grupo de sete potências em 2021.   

“Vou convocar os líderes do G7 na terça para uma reunião urgente sobre a situação no Afeganistão. É vital que a comunidade internacional trabalhe unida para garantir evacuações seguras, evitar uma crise humanitária e ajudar o povo afegão a assegurar os ganhos obtidos nos últimos 20 anos”, disse o premiê britânico.   

Além do Reino Unido, o G7 também inclui Alemanha, Canadá, Estados Unidos, França, Japão, Itália e União Europeia. A reunião virtual acontecerá pouco mais de uma semana depois da tomada de Cabul pelo Talibã, possibilitada pela retirada das tropas dos EUA e da Otan.   

Adepto de uma interpretação radical da lei islâmica, o grupo fundamentalista já havia governado o Afeganistão de 1996 a 2001, quando foi derrubado pela invasão americana pós-atentados de 11 de setembro.   

No entanto, 20 anos de ocupação no país asiático não foram suficientes para derrotar o Talibã, que agora trabalha na formação de um governo para tentar obter reconhecimento da comunidade internacional. (ANSA)

Leia também:

Merkel faz sua última visita a Putin em plena crise afegã
EUA aplicam vacinas de reforço contra covid-19 em setembro
Afeganistão: Aprovação de Biden cai com domínio do Talibã
Nova Zelândia teme por alta de casos de covid-19 no país
Nova Zelândia anuncia restrições de três dias contra covid-19
Biden defende retirada de tropas dos EUA do Afeganistão
Com saída dos EUA, China e Rússia dialogam com Talibã
Biden receberá líderes mundiais em cúpula sobre democracia
G20 quer que acordo de taxa global seja finalizado até outubro
G7 das Finanças começa com imposto mundial no radar
Recorde: PMI industrial do Reino Unido sobe a 65,6 em maio
PMI industrial da China sobe a 52 em maio, maior nível de 2021
PIB global deverá crescer a 5,8% em 2021, estima a OCDE
Investimento em infraestrutura para vencer o desemprego

TAGS:
G7 | ANGELA MERKEL | RÚSSIA | AFEGANISTÃO | ARMAS | JOE BIDEN | CLIMA | MEIO AMBIENTE | BRUMADINHO | NOVA ZELÂNDIA