Vitória assina convênio e investe na recuperação de apenados

Assinatura do convênio com a Vara de Execuções de Penas e Medidas Alternativas (Vepema).

Em 21/08/2021 Referência CCNEWS, Redação Multimídia

Foto|: André Sobral/PMV

O objetivo do convênio é ajudar na recuperação dessas pessoas, visando a reinserção deles no mercado de trabalho.

A Prefeitura de Vitória assinou nesta sexta-feira (20), um convênio com a Vara de Execuções de Penas e Medidas Alternativas (Vepema) para a atuação de cerca de 80 apenados, inicialmente, em reformas de Unidades de Saúde da Capital. O convênio segue o que dispõe o Artigo 44 do Código Penal Brasileiro.

O objetivo do convênio é ajudar na recuperação dessas pessoas, visando a reinserção deles no mercado de trabalho, com foco na promoção da Justiça e no dever do cidadão com o Município.

Para o prefeito de Vitória, Lorenzo Pazolini, esse convênio, irá contribuir para a ressocialização dos apenados.

“Uma forma de integrar novamente essas pessoas e ao mesmo tempo contribuir para o bom funcionamento da nossa cidade, com mais mão de obra para a manutenção das Unidades de Saúde, especialmente neste primeiro momento. Um trabalho de grande alcance social”, disse o prefeito.

Participaram da assinatura o Juiz titular da 7ª Vara Criminal de Vitória, Carlos Eduardo Ribeiro Lemos; a Chefe de Seção de Psicologia da VEPEMA, Fernanda Borges Ruy; o Chefe de Fiscalização da VEPEMA, Bruno de Oliveira Fabres e a Secretária de Direitos Humanos de Vitória, Neuzinha de Oliveira.

Para o juiz Carlos Eduardo Lemos, esse convênio é muito importantetanto para o Poder Judiciário e para toda a sociedade.

"A Prefeitura de Vitória assume o compromisso de colaborar na execução penal, abrindo frente de trabalho para que possamos encaminhar nossos prestadores de serviço. Pessoas que foram apenadas, por pequenos crimes, e que vão cumprir suas penas de forma a colaborar com toda sociedade", afirmou.

Convênio

Os apenados que farão parte do convênio cumprem penas alternativas por até quatro anos, decorrentes de delitos sem violência ou grave ameaça, ou qualquer outro crime culposo, como delitos de trânsito, por exemplo.

Outros setores da administração municipal também serão atendidos na parceria, cuja prestação de serviços será realizada de acordo com a aptidão de cada apenado. Eles também receberão palestras na área de Direitos Humanos.

A jornada de trabalho terá duração de sete horas semanais e será realizada aos sábados, domingos e feriados ou em dias úteis.

Leia também:

Prefeitura de Vitória vai lançar aplicativo para os taxistas
Mobilidade traça metas para melhorias cicloviárias em VV
Prefeitura lança o projeto “Conecta Viana” e o SEMMA Digital
Programa Vida Nova Cariacica oferece arte para pessoas de rua
Prefeitura conclui ginásio da Emef Maria Aparecida Lavagnoli
Prefeitura de Vitória retoma agenda online para consultas
Vitória inaugura praça na Enseada do Suá com wi-fi gratuito
Prefeitura de Serra multa caminhão que derramou diesel na 101
Mais 186 famílias recebem título de propriedade em Vitória
Vitória é a 1ª cidade do Sudeste a adotar a logística reversa
Reunião aberta vai debater sobre o Distrito Criativo Prainha
Serra inicia eleições para conselheiros e gestores de Saúde
Projeto Maria da Penha vai à Feira visitará mais 8 bairros
GGIM: Serra poderá obter a menor taxa de homicídios em 2021
Prefeitura de Guarapari abre as inscrições para a IX CMAS
Vila Velha lança o Agosto Dourado nas Unidades de Saúde
Prefeitura de Serra amplia número de coletores de lixo úmido
Poluição sonora já gerou 4 mil ocorrências em Vila Velha
Vitória está de olho nos serviços de energia, água e telefonia
Prefeitura de Serra realiza limpeza no córrego de Divinópolis
Saúde: Secretária Thais Cohen destaca combate à pandemia

TAGS:
TÁXI VIX | VITÓRIA | CONVÊNIO | SERVIÇO SOCIAL | EDUCAÇÃO | DEFESA CIVIL | CIDADE | PROCON | SEGURANÇA