Fifa estuda realizar a Copa do Mundo a cada dois anos

O formato atual da Copa do Mundo, a cada quatro anos, pode estar com os dias contados.

Em 22/08/2021 Referência CCNEWS, Redação Multimídia

Foto: Reprodução/Parceria Lance & IstoÉ

Atualmente disputada a cada quatro anos, maior torneio do futebol pode se realizado em intervalos menores. Presidente da Fifa, Gianni Infantino é entusiasta da mudança.

O formato atual da Copa do Mundo, que é disputada a cada quatro anos, pode estar com os dias contados. Entidade máxima do futebol, a Fifa estuda a possibilidade de realizar o maior torneio do esporte a cada dois anos, de acordo com informações do “UOL”.

Presidente da Fifa, Gianni Infantino é o principal interessado na mudança, que poderia levar mais seleções à fase final da competição, além da chance de mais países sediarem o torneio. Vale lembrar que a partir do Mundial de 2026 haverá o aumento de 32 para 48 equipes disputando a Copa do Mundo.

Segundo a publicação, a Confederação Africana de Futebol (CAF) se mostrou favorável à mudança, o que garantiria 56 votos dos 211 possíveis em Congresso. O continente tem a intenção de receber o Mundial novamente, o que ocorreu somente em 2010. O Marrocos já foi candidato para as edições de 2006, 2010 e 2026, mas saiu derrotado em todas.

Se a mudança for aprovada, a Copa do Mundo passará a ser disputada a cada dois anos após o torneio de 2026, que será realizado nos três países da América do Norte (Canadá, Estados Unidos e México). Ou seja, a primeira edição seria em 2028.

Para o torneio de 2030, a América do Sul, com Uruguai, Argentina, Chile e Paraguai, disputa a candidatura com a Europa, mais precisamente a Inglaterra. A Fifa, por sua vez, deseja expandir para o Reino Unido, contemplando País de Gales, Escócia e Irlanda do Norte. Espanha e Portugal, em conjunto, também estão na briga. A candidatura africana poderia ser a escolhida em 2032, enquanto a Ásia, com a China como favorita, receberia o Mundial em 2034. (Parceria Lance & IstoÉ)

Leia também:

Andretti se interessa por vaga na Fórmula 1 e inicia negociação
Atlético-MG amassa o River e vai à semi da Libertadores
Governo manda cancelar GP do Japão de F1 por alta da covid
Palmeiras atropela o São Paulo e vai à semi da Libertadores
Grande Prêmio de São Paulo de F1 exigirá público vacinado
Tite convoca seleção para jogos contra Chile, Argentina e Peru
Chelsea vence nos pênaltis e conquista a Supercopa da Uefa
Oficial: PSG anuncia a contratação do astro Lionel Messi
Lionel Messi chegou a acordo com o PSG, diz jornal francês
Membro do Barcelona vai à Justiça para impedir Messi no PSG
Jogos Paris 2024 terá arenas esportivas em locais históricos
Messi chora em adeus ao Barça: "Não é como tinha pensado"
Tóquio 2020: Estados Unidos são 1º no quadro de medalhas
Seleção feminina de vôlei perde para os EUA e fica com a prata
Eliminatórias: Brasil pega Chile, Argentina e Peru em setembro
Tóquio: Brasil vence a Espanha e é bicampeão olímpico
Seleção feminina de vôlei vence Coreia e decide ouro com EUA
São Paulo x Palmeiras terá árbitro da final da Copa de 2018
F1 mudará a data do GP do Brasil para adequar seu calendário
Nos pênaltis, Brasil vence México e está na final de Tóquio
Alison e Álvaro Filho vencem mexicanos e estão nas quartas
Falta de gasolina mínima para análise custa caro para Vettel
Francês Ocon alcança vitória incrível no GP da Hungria de F1

TAGS:
CATAR 2022 | SUPERCOPA | INTERLAGOS | PARIS 2024 | LIBERTADORES | CONMEBOL | SUPERLIGA | UEFA | F1